2017
Institucional 2017

Depois das cinzas Portugal mais verde

Depois das cinzas Portugal mais verde

Depois de um ano trágico para Portugal, com a área ardida a bater recordes e muitas vidas perdidas, Portugal tenta erguer‑se das cinzas e a Galp está no terreno para o plantar de verde.

A iniciativa da Galp Terra de Esperança é uma parceria entre a Fundação Galp e a ANEFA para reflorestar áreas atingidas pelos incêndios que afetaram Portugal.

A Galp doou 500 mil árvores de espécies autóctones, entre as quais carvalhos, castanheiros, pinheiro‑bravo, pinheiro‑manso, sobreiros, freixos, amieiros, plátanos, azevinhos, medronheiros, e bétulas.

No âmbito desta doação, foram dinamizadas as maiores ações de voluntariado ambiental alguma vez realizadas no País, envolvendo no total 4.238 voluntários em várias iniciativas distribuídas pelos concelhos mais afetados pelos incêndios.

A enorme dimensão da tragédia que assolou o País, teve uma resposta ainda maior por parte de quem fez no terreno a diferença. Por um País mais verde.

A Galp utiliza cookies nos seus websites para te proporcionar uma melhor experiência de utilização.
Ao submeter este formulário aceitas e concordas com os Termos e Condições e com a Política de Privacidade.

Aceito